Tratar da imagem e poupar

Literacia Literacia Financeira

contas-vida640-poupar-imaginacao

Será que estar em melhor forma física, vestirmo-nos melhor e cuidarmos da estética, implica mesmo gastar mais dinheiro? A resposta é: não! Apenas precisamos de re-organizar e direccionar os recursos que já temos. Explico-lhe como o pode fazer na prática:

Exercício físico – para ficar em melhor forma física pode andar, correr ou fazer ginástica e para isso não precisa de se inscrever num ginásio. As alternativas a custo zero são:

  • Encontrar um(a) amigo(a) que também queira ficar em forma, definirem os horários do exercício semanal e depois motivarem-se e ajudarem-se um a ou outro! Ou
  • Usar uma das inúmeras apps gratuitas e o programa de treino proposto e as dicas de motivação – alguns exemplos são PumUp; Nike + Training Club; Runtastic Pro e Endomondo (iii)
  • Por último pode juntar-se a um clube de corrida ou caminhadas através do site que agrega pessoas com interesses comuns: MeetUp (online ou no seu telefone).

Roupa – Sabia que em média, usamos apenas 20% da roupa que temos? E que nos bastam 28 peças de roupa para estarmos bem no trabalho e fins de semana? Por isso vale a pena dar uma volta ao seu armário seleccionando o que usa e lhe é útil e dando o que já não usa. Depois faça uma lista de todas os coordenados possíveis – vai perceber que tem mais roupa do que pensa e poupará tempo (de manhã) e dinheiro pois já não vai sentir que não “tem nada para vestir” e que precisa de comprar roupa!

Cabeleireiro – lavar e secar o cabelo num cabeleireiro custa, em média, 12€. Se for uma vez por semana no final do mês gasta 48€. No final do ano são 576€! O valor sobe quando há cortes e colorações. Para poupar:

  • Faça um corte que lhe permita arranjar o cabelo em casa; ou
  • Invista num aparelho de alisar/enrolar em casa; ou
  • Peça a uma das suas amigas que lhe arranje o cabelo semanalmente e troquem.

Manicure – se fizer unhas de gelinho paga, em média, 15 euros. De três em três semanas tem de voltar à manicure, o que significa que cada ano tem de lá ir 17 vezes. No total estamos a falar de 255€.

Para poupar: marque na sua agenda o tempo de que precisa para arranjar as unhas em casa todas as semanas. Se não conseguir mesmo fazê-lo sozinha, peça ajuda a uma amiga ou colega de trabalho!
Cuide bem de si!

Susana Albuquerque
My Soul Project Tm www.susanaalbuquerque.com

MAIS ARTIGOS